Lucro Imobiliário. Diferenças entre Brasil e Canadá

by - sábado, maio 23, 2015


Diferenças Brasil x Canadá.  Diferença #40:  Lucro Imobiliário

Quem tem casa / apartamento próprio no Brasil, sabe o que é o “lucro imobiliário”:  É o valor que se paga de imposto no momento em que vendemos um imóvel.

Esse imposto deixa de existir quando o contribuinte usa o dinheiro da venda para comprar outro imóvel num prazo de seis meses.  As pessoas que já estão no Canadá ou que estão vindo como "Permanent Resident", ou com "work permit”  não se ajustariam nesse perfil de comprar outro imóvel na selva  no Brasil, então vamos falar apenas no “lucro imobiliário” sobre a venda, ok?  :)

Só que... no Brasil a gente tem como ir corrigindo o valor do imóvel na declaração anual de Imposto de Renda.

Quando são feitas  obras / melhorias no imóvel, declara-se  na “Declaração de Ajuste Anual” quanto foi gasto (e guarda-se os comprovantes) e o valor do imóvel é aumentado, ou seja, no dia em que decide-se vender,  paga-se menos imposto,  porque o imposto irá incidir apenas sobre o valor de venda menos o valor do imóvel conforme ele está declarado no Imposto de Renda.

É por esta razão que deve-se declarar todas as obras / benfeitorias feitas no imóvel, porque são elas que irão permitir que se pague menos “lucro imobiliário” no momento da venda.

Se é melhor vender o imóvel no Brasil ou mantê-lo alugado???  Sinto muito mas a Dupla não pode dar esse conselho a vocês.  Cada caso é um caso,  e eu recomendo que primeiro, antes de sair “vendendo tudo” vocês tenham certeza que realmente fizeram a escolha certa ao decidir mudar definitivamente para o Canadá.

Nós estamos aqui há quase três anos (OBA!!!!) e aguardamos praticamente dois anos antes de tomar a nossa decisão...    :)

Mas.... a parte importante do post não é essa.  Essa coisa de pagar “lucro imobiliário” no Brasil não é novidade para ninguém, e a atualização do preço do imóvel também é conhecida por todos (assim espero!)

O lance é que....  No Canadá não existe essa “tabela de correção”!!!!   Nunca!  CARACA!!!

Ou seja, se você comprou uma casa por 20 mil dólares há "40 anos" atrás e ela hoje vale 900 mil dólares, você vai pagar imposto sobre 880 mil dólares, e não interessa se você reformou a casa, se trocou todos os canos, se pintou ou isso ou aquilo. Seu lucro vai ser de 880 mil dólares e é em cima desse valor que você vai pagar o lucro imobiliário.  CARACA.  É “feia”  a coisa aqui, hein???? Ou vocês acham que o dinheiro para toda a infra estrutura urbana cai do Céu???  rsrsrsrs

Dá susto?  Dá.   (DEU)

Porque você fica preocupado que o seu imóvel no Brasil foi comprado há muito tempo,  por um valor muito menor do que você vendeu, até porque no Brasil tem inflação, e você teve  os gastos com as obras e isso e aquilo.  Ou seja, num primeiro momento dá um P*^@   susto de que você, além de ter pago lucro imobiliário lá no Brasiu-iu-iu vá ter que pagar aqui no Canadá também.  (Eu sei, o que você pagou lá “desconta”, mas se o valor aqui for muito maior do que o que você já pagou lá, você teria uma diferença a pagar aqui).

Só que...

O Governo do Canadá não quer saber por quanto você comprou o seu imóvel no Brasil lá em mil novecentos e antigamente.  O Governo do Canadá quer saber qual o valor do seu imóvel no dia em que você fez o landing.  O valor do lucro imobiliário a ser pago no Canadá vai ser o valor que você vendeu (vão usar o cambio do dólar canadense do dia da venda)  menos o valor que o seu imóvel valia no dia do seu landing (vão fazer a cotação em reais para o dólar canadense no dia do landing.

É por isso que, o ideal é que as pessoas que ainda vão emigrar façam uma avaliação com corretor antes de embarcarem para o Canadá (mesmo que deixem o imóvel fechado ou alugado) e guardem essa avaliação __  de preferência em papel timbrado da empresa imobiliária / corretor __ em lugar seguro porque poderão usar este valor para declarar como “valor do imóvel” no dia do landing caso, futuramente, resolvam vender esse imóvel.

Vocês, como bons brasileiros-espertinhos rsrsrs já notaram que, quanto MAIOR esse valor do imóvel no momento do landing, melhor, porque assim vocês terão menos riscos de uma baita mordida do leão canadense.

Quem já está aqui e não tem essa avaliação do imóvel da época em que fez o landing, faz como?  Hmmm......  teoricamente, quanto mais tempo você esperar para vender o seu imóvel no Brasil pior será,  porque se você fez o landing há, por exemplo,  6 anos atrás, o seu imóvel no Brasil cada vez ficará mais caro e a diferença de preço entre o valor que você for vender e o valor que o imóvel  custava lááá atrás,  no dia do seu landing, vai ser ainda maior. E qualquer obra que você tiver feito terá sido em vão (para o cálculo do imposto daqui).

Por isso... na hipótese de você estar ainda para vir morar aqui, siga a dica da Dupla sobre a avaliação e não tenha problemas futuros.

Só para finalizar, aqui qualquer imóvel é dividido entre uma parte que é o “land”  (terra) e outra parte que é a “construction” (parte construída).  Mesmo que você more num prédio com "50 andares" e “mil" apartamentos por andar, sempre vai existir um percentual que é “land” e um que é “construction”.

Você tem que saber, no valor do seu imóvel (aquele lá do BR), qual o percentual que corresponde à “land” (terra) e qual percentual corresponde à “construction” (parte construída).  Por que?  Porque é permitido  ter prejuízo sobre a parcela da land, mas não sobre a parcela da construction.

Por exemplo: Você comprou o seu apartamento por 500 mil reais mas construíram um viaduto em frente e você vendeu por 300 mil reais.  Aqui não vão considerar que você teve prejuízo de 200 mil reais. Aqui você terá dito que dos 500 mil reais, 400 mil reais eram relativos à terra (land) e 100 mil reais eram relativos à parte construída (construction).  Ou seja, o land correspondia a 80% do valor total.   No momento de calcular seu prejuízo, ele vai ser sobre essa parcela da “terra” porque a parcela referente à construção não entra em calculo de prejuízo porque aqui eles assumem que toda construção se deteriora ao longo do tempo e que, portanto, ela é passível de prejuízo. É um conceito que nós não temos o hábito de pensar, mas aqui ele é usado como cálculo do imposto a ser pago, ou do prejuízo  a ser auferido.

Agora chega de matemática que eu já estou zonza com tanta conta!  :)

Assim que nossos 15 leitores se manifestarem na nossa seção de comentários a Dupla volta com mais uma importante informação para vocês!  :)

Gostou do que leu?  Por que não aperta o “compartilhar” no Facebook para que os seus amigos também saibam dessas regras de lucro imobiliário? Pode ser que ajude a eles também, não é mesmo? :)

Obrigada pela visita!!!!  Espero rever vocês em breve!  Escreve aí...   Deixa de preguiça sô....   :)


Update 2017:  O tempo passou e estamos mega felizes no Canadá. Criamos uma empresa de tours onde ajudamos os brasileiros a levarem memórias incríveis da melhor cidade do mundo!  Visite nossa página no Facebook (não esqueça de dar “like”) e fique por dentro das novidades https://www.facebook.com/vancouverbylocals/

30 comentários

  1. Tenso!!!! Eu lembro que no landing me perguntaram quanto de $ eu tinha no Brasil e eu ainda questionei se ela queria saber o valor dos imóveis que temos, e ela disse que não.
    Assunto muito importante!!!!

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou do post! Obrigada!

      Abs da Dupla

      Excluir
  2. Olá Dupla,
    Passando apenas para agradecer pelo post, que por acaso foi Importantíssississimo pra mim, rsrs.

    Agora vou ler e reler algumas vezes pra digerir a ideia e entender melhor, que na primeira leitura confesso que fiquei meio aéreo, kkkk.

    Tanks and good bye!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rafa,

      Basicamente é o seguinte: Vc não precisa ter esse valor (ou de cabeça ou por escrito) no momento do landing. Ninguém vai te pedir isso.

      Mas... quando vc fizer seu imposto de renda aqui, vc vai ter um formulário específico onde vai relatar tudo que vc tenha (em cash, ou ações ou imóveis) se esta soma for superior a 100 mil dólares canadenses.

      Até aí, vc ainda não precisa do valor real do seu imóvel no momento do landing. Ninguém vai te pedir papel nenhum, basta vc relatar quanto tem e pronto.

      No dia em que você vender o imóvel no Brasil, aí sim, vc terá que pagar o “lucro imobiliário” aqui no Canadá e este lucro vai ser calculado entre o valor que vc vendeu menos o valor do imóvel no dia em que vc fez o landing. (claro, descontando o que vc pagou no BR, mas pode ser que mesmo assim haja “resíduo” para pagar aqui, considerando que o BR dá algumas facilidades como correção da tabela, gastos com melhorias, etc. Por isso é importante a pessoa ter um documento (que fica guardado) com a avaliação oficial do imóvel no BR na época em que fizer o landing. Vai ser útil para apresentar aqui, caso o Leão Canadense chame e queira saber de onde vc tirou o valor do seu imóvel na época do landing.

      Se tiver alguma duvida específica fique a vontade para perguntar. Eu recebi uma “aula” da nossa contadora aqui (a preço de ouro, é verdade rsrsrs) e estou “craque” no assunto! Se puder ajudar será sempre um prazer.

      Abs da Dupla

      Excluir
  3. Dupla, esse blog é muito útil. Por favor, fiquem atentos ao final do Blogger e exportem o conteúdo para um wordpress... seria uma pena perder toda essa informação que vocês produziram.

    http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2015/05/blogger-brasil-vai-acabar-veja-cinco-coisas-que-voce-precisa-saber.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá querido(a) leitor(a) anonimo(a)

      Caraca!!! Quase tive um infarto aqui com essa notícia e realmente a matéria no site que vc enviou eu não achei muito clara.

      Fucei mais a fundo e achei esse post que considero ótimo, vale a leitura: http://www.elainegaspareto.com/2015/05/e-verdade-que-o-blogger-vai-acabar.html?showComment=1432945718247

      Eu tenho um outro Blog, no wordpress, mas não é escrito pela “Dupla” e sim por mim mesma, com nome e sobrenome... haha

      De qualquer forma, mil thanks pelo aviso mas creio que aqui com a Dupla vai ficar tudo certo.

      Abs da Dupla

      Excluir
    2. No próprio link do Anonimo, no final da reportagem, fala que "É importante lembrar que os sites hospedados no Blogger do Google, ou seja, com o domínio “blogspot.com”, não serão afetados, pois são plataformas diferentes."...

      Eu e minha esposa também temos um blog e tomei um susto. Acho que isso (encerramento) não se aplica nem pro blog da Dupla nem pro meu... Ufa!

      Excluir
  4. Olá Dupla,
    Muito obrigada pelas informações!! Estava ansiosa por essa postagem pois como havia falado ainda não decidi se vou vender o apart.. antes ou depois de ir para o Canadá.
    No caso de vender antes, ao entrar com o dinheiro no Canadá como serei tributada?? Você saberia me dá essa informação??
    Aguardo retorno!!
    Abraço,
    E.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se vender antes, aconselho a já ter uma conta no HSBC Canadá linkada à conta do HSBC Brasil. Você vai na agencia do HSBC Brasil e transfere o $ para a sua conta no Canadá (nesse caso tem que ser pessoalmente e tem que levar uma cópia da escritura para comprovar a origem do dinheiro).
      Em menos de 48 horas o $ chega na sua conta do Canadá.
      Nesse caso, você não pagará nenhum tipo de taxa ao Governo Canadense.
      Depois,claro, se o dinheiro aplicado ao longo do ano render juros etc você vai pagar o imposto sobre o lucro , na declaração anual no Canadá, bem equivalente ao que acontece no Brasil, sendo que aqui a ganância do governo é muito menor e o retorno para a sociedade é um milhão de vezes maior.

      Boa sorte e fique a vontade para enviar comentários com duvidas e sugestão de temas!

      Abs da Dupla

      Excluir
    2. Olá Dupla,

      Obrigada pelo retorno!! Vou me informar no HSBC sobre todos os detalhes!! Mas como sou leitora de vocês a muito tempo, lembro que fizeram um poste antes ou logo após chegarem ao Canadá sobre problemas com o HSBC!
      Ocorreu tudo bem com o envio do dinheiro?

      Ah! E tenho uma sugestão para um post: aposentadoria no Canadá + Acordo Brasil/Canadá de aposentadoria!!
      Na prática como funciona este acordo?? Todos os anos que contribui aqui valem no Canadá? Quais documentos tenho que levar para comprovar minhas contribuições? Como dou entrada neste processo no Canadá?

      Grande abraço,
      E.

      Excluir
  5. Dupla!

    Parabéns pelo blog e pelo post...

    Existe algum "statute of limitations" referente a apresentação desse laudo? Estou perguntando por isso para o caso das pessoas que já fizeram o landing e não sem preocuparam em obter esse laudo... A Receita Canadense pode cobrar esse documento mesmo depois de estar morando mais de 5 ou 10 anos no Canadá?

    No início eu achava que o ganho de capital na venda de imóveis era tratado da mesma forma que as receitas com aluguéis (tributadas apenas no país onde está o imóvel), mas depois vi que ele pode ser tributado nos dois países (putz)...

    Também vi o post da sua réplica sobre o comentário do post dos professores e queria fazer alguns comentários:

    1) O blog é de vocês e vocês escrevam como bem quiserem... e quem não quiser ler, não leia e ponto final;
    2) (complementando o item acima) Se não quiser ler críticas ao Brasil, não vá num blog que faz críticas ao Brasil... É só procurar material de propaganda do governo ou baixar no youtube os discursos da Dilma (olha que legal... rs);
    3) Quanto aos aluguéis, aqui no RJ, acabei de entregar o apto que alugava no Flamengo (2qtos, 70m2) e custava "apenas" R$ 2.900, fora condomínio e IPTU que custavam mais R$ 500,00. Mas, por exemplo, tenho um primo que mora no Méier, que não é um bairro da Zona Sul, e paga mais de R$ 2.000,00 num apto semelhante... Ou seja, o negócio aqui tá foda... rs

    ResponderExcluir
  6. Oi pessoal! Vou responder a cada comentário quando voltarmos pra casa. Estamos de férias na Croácia e aqui vou apenas ler os comentários de vcs e publica-los e na volta responderei às dúvidas , ok?


    Abs da Dupla (aqui é LINDO, estamos adorando e é tudo muito barato!!!! Mas está um calorão ! 33 graus Celsius, a Dupla Canadense já acostumou com o nosso clima maravilhoso de Vancouver então com + de 25C a gente já derrete..... Kkkk


    Até breve e podem continuar postando! Adoooooro! ;)

    ResponderExcluir
  7. Muito bom o post...Abraços

    ResponderExcluir
  8. Parabens Dupla!

    Conheci hoje o blog, procurando mais sobre a vida em Vancouver e gostei muito, ja li todo ele.

    Obrigado!

    ResponderExcluir
  9. Olá Dupla,
    Aguardando as respostas.
    Abraço,
    E.

    ResponderExcluir
  10. Estamos ainda viajando! Na semana que vem estaremos de volta ao paraíso OOPS .... Vancouver e eu vou responder a vcs!!!! Abs!!!

    ResponderExcluir
  11. Obrigada por compartilhar informações tão importantes. Estou Adorando o Blog.
    Parabéns pelo excelente trabalho. Abç, MC.

    ResponderExcluir
  12. Acabei de conhecer o blog de vocês e estou achando muito interessante!

    Só me surgiu uma dúvida.. eu tenho que pagar IR no Canadá das coisas que tenho no Brasil!?
    Mesmo se o dinheiro ficar pelo Brasil mesmo!?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Reis!

      Obrigada pela visita ao Blog! Não! Não há bi-tributacão. O $ no Brasil paga impost no BR , mas na hora que vc faz a declaração anual aqui vc coloca quanto ganhou no BR e quanto já pagou. Só isso.

      Abs da Dupla

      Excluir
    2. Completando: Isso que falei é em relação a imposto de renda para coisas “normais”, tipo aplicação financeira, lucro com ações, etc.

      Para imóveis, é como falei no post. Importante ter o valor do imóvel no dia em que for feito o landing no Canadá, porque a partir dessa data sim, vai ter imposto sobre o lucro. (Vai descontar a parcela de lucro imobiliário no BR, mas se no BR vc foi “atualizando” o valor dos imóveis (com obras de reformas, benfeitorias e tudo o mais que a legislação brasileira permite). Aqui NÃO TEM papo de “atualização” por benfeitorias. Se no dia em que vc entrou no Canadá seu imóvel o BR valia o equivalente a 600 mil dólares canadenses, mas vc no Brasil foi atualizando o calor e chegou, digamos a 750 mil dólares canadenses no Imposto de Renda do Brasil e aí vc vendeu, vamos supor, pelo equivalente a 760 mil dólares canadenses. No Brasil vc pagará lucro imobiliário sobre aproximadamente o equivalente a 10 mil dólares canadenses (até um pouquinho menos que isso depois de aplicado o fator de correção e tal). MAS.... na hora que vc tiver vendido esse imóvel, para efeito de imposto no Canadá vc vai pagar aqui o lucro imobiliário referente a 760 mil dólares (valor que vc vendeu) menos 600 mil dólares (valor do imóvel no dia que vc fez o landing). Ou seja, vai pagar imposto sobre o “lucro” de 160 mil dólares, o que vai dar aproximadamente 50 mil dólares. Sim, é uma bela grana. Isso porque o Canadá não prevê e nem adota esse critério de fazer obras / benfeitorias e ter o valor do imóvel corrigido. Aqui eles dividem o valor do imóvel num percentual chamado “landing” e outro chamado “construction”. Na parte do landing vc pode ter lucro ou prejuízo (exemplo, um novo parque vai valorizar muito a sua casa, então na hora de vender, se a parcela do landing correspondia a 80% do valor total, vc vai pagar imposto sobre essa parcela. Em contra partida, se fosse criada uma favela (hahaha) em frente a casa e isso desvalorizasse , a desvalorização não seria calculada pelo total, mas apenas pela parcela do landing. Para exemplificar: Uma casa aqui, em mal estado, velhíssima, mas num terreno e lugar magnífico. A “construction” vai valer 10% e a “terra” vai valer 90%. Se a casa (com o terreno valem, digamos 5 milhões). O cara pode reformar a casa toda, gastar 2 milhões de dólares, colocar torneiras de ouro. Não adianta. No momento de vender, o imposto vai incidir como se a casa continuasse a mesma velharia. Já se a terra desvalorzar (pode acontecer, num lugar que tem acidentes naturais), aí sim, o imposto vai ser reduzido.

      Espero ter ajudado ao invés de ter confundido mas fique a vontade de perguntar mais, caso não tenha ficado claro. De qualquer forma, o site do CRA (Canadian Revenue Agency) explica tudo, embora eu só tenha realmente compreendido depois que tive duas horas de “aula” com a nossa contadora aqui.... :)

      Abs da Dupla

      Excluir
    3. Obrigado pela ótima explicação!
      Eu tinha ficado muito confuso... Quando chegar a hora, agora já sei aonde procurar. =D

      Excluir
  13. Mulher, socorro! kkkkkkkkkk

    Eu estava entendendo sua resposta no comentário acima e depois confundiu foi tudo. Talvez aconteça assim comigo:

    Passe um ano no Canadá com meu esposo. Aqui no Brasil a gente alugaria o nosso apartamento e ficamos morando de aluguel aí no Canadá...
    Deu certo aí no Canadá, massa! Vamos passar mais de um ano. Aí a gente decide vender o imóvel no Brasil e envia o $ para o HSBC (que na verdade, temos que ter uma conta antes de viajar e quando for viajar, ter que avisar ao HSBC daqui do Brasil, que vamos para o Canadá?), pegamos o dinheiro do apartamento e colocamos no HSBC. No final do segundo ano (já que no primeiro ano não precisa, porque não tenho a imigração, certo?) vem o Imposto de Renda pra me perguntar de onde veio o $ que está em minha conta?

    E se o imóvel (aqui no Brasil) está em meu nome e no nome do meu irmão, fará alguma diferença?

    Banco brasileiro só tem o HSBC?

    Pra conseguir a imigração é a partir de 1 ano?

    Porque aluguel é tão caro em Vancouver? (ou não sei pesquisar direito...rsrs)

    Obrigadaaaaaa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Passar um ano no Canadá não significa que vá conseguir ser Permanent Resident. Muito cuidado com isso para não ter decepção.

      Melhor é ir dando um passo de cada vez. Primeiro estuda.... depois vê se gosta.... e depois entra com processo de imigração e assim sucessivamente....

      Não adianta ir querendo resolver assuntos que ainda estão lá na frente. Um passo de cada vez. Devagar se vai ao longe, já dizia minha tataravó.... rsrsrsrs

      Abs da Dupla

      Excluir
    2. Então só preciso me preocupar com isso SE eu conseguir esse Permanent.. e quiser morar aí, certo?

      Obrigada!!

      Excluir
  14. Boa noite, Dupla! SENSACIONAL o post, primeiro que leio e certamente vou devorar o blog de vocês. Parabéns!

    Sobre imóveis ficou tudo muito claro. Agora, tenho a seguinte dúvida bem objetiva sobre o assunto:

    Em relação aos seguintes recursos que tenho no Brasil:
    - Dinheiro aplicado em renda fixa (tesouro direto, LCI, CDB, etc) no Brasil;
    - Dinheiro que receberei de herança.

    Pergunto: Como será cobrado os impostos no Canadá e como declarar esses recursos se, já morando no Canadá como residente permanente, eu quiser transferir no futuro esse dinheiro do Brasil para minha conta no Canadá? Quais cuidados devo tomar no momento do landing em relação à esses recursos?

    Muuuuito obrigada!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na época que você vender patrimonio no BR vai pagar lucro immobiliari no BR e alguma diferença _ se houver _ aqui no Canadá. Não há bi-tributação.

      No momento do landing, liste TODOS os seus investimentos, imóveis, etc no formulário especifico (esqueci o numero porque tem muito tempo, mas se der um search aqui no blog vc acha ou então na pagina do governo canadense sobre “landing” e CRA (Canada Revenue Agency).

      Teoricamente, quanto mais valorizados forem seus imóveis no momento do landins melhor, porque se vc entrar dizendo que valem 100 mil e três anos depois vender por 900 mil vc vai pagar lucro aqui sobre 800 mil subtraído de quanto vc tiver pago de lucro no BR.

      Sobre herança o governo canadense não cobra imposto, mas é bom vc ter certeza.

      Recomendo que faça tudo aqui com um bom contador, assim evita dor de cabeça. A contadora cobra em torno de 150 dólares por cada “tax return” e num dinheiro que considero super bem empregado. Minha contadora é canadense e trata;havia na Deloite, saiu de lá porque teve bebê e cuida dos filhos. ´la é perfeita, super detalhista. No futuro, se precisarem de indicação, mandem email para a dupla “ponto” canadense “arroba” gmail “ponto” com e eu passo os dados dela para vocês.

      O importante mesmo é isso que te falei. Listar tudo no momento da chegada, não esquecer nada. E quando for fazer o imposto aqui, toda propriedade no exterior que custe mais de 100 mil dólares tem que ser declarada num formulário próprio. Eles não cobram nenhum imposto sobre isso, é só mesmo para vc declarar o que tem. Mas... tem muito brasileiro por aí que fica com medo de isso ser para pagar imposto e não declara e aí se ferra todo, porque quando vende o imóvel fica sem ter como comprovar a entrada / transferencia de dinheiro para dá. Conheço gente nessa situação. Eu acho melhor fazer tudo aqui bem certinho, sempre fiz assim e nunca tivemos nenhum problema aqui.

      Boa sorte!!!!


      Abs da Dupla

      Excluir
    2. Siam vários erros de datilografia porque estou atrasada para sair, mas espero que dê para entender o conteúdo! :)

      Excluir
    3. Bom dia, Dupla! Obrigada pela rápida resposta!

      Fiquei em dúvida, vi em alguns lugares que no landing a gente só precisa declarar o que estamos levando conosco (objetos e dinheiro) e o que vamos levar depois (goods to follow), ou seja, itens de importação. Veja esse link:
      http://www.canadavisa.com/canada-immigration-discussion-board/landing-in-canada-all-you-need-to-know-t36735.6315.html

      Esses itens são declarados no formulário B4:

      http://cbsa-asfc.gc.ca/publications/forms-formulaires/bsf186-eng.pdf

      e

      http://www.cbsa-asfc.gc.ca/publications/forms-formulaires/bsf186a.pdf

      Pelo que entendi, propriedades e investimentos, que eles chamam de assets, são declarados apenas na primeira declaração de IR canadense e não no landing.

      Que você acha? Existe mesmo algum formulário específico para os assets durante o landing? Se você achar o link, poderias compartilhar?

      Acho que é isso. Obrigada!!

      Excluir
    4. É exatamente isso (info dos imóveis no BR vão no primeiro imposto de renda aqui). Diga ao seu contador aqui que tem Imoveis fora e ele vai preencher um formulário específico.

      Se você tiver oportunidade de fazer uma avaliação antes de vir, melhor, e aí vc guarda e pode comprovar (cado peçam).

      Boa sorte!!!

      Excluir

Seu comentário será publicado após nossa aprovação. Obrigada.

Your comments will be published after our approval. Thank you.

You May Also Like